Exame para verificar o ácido úrico

O ácido úrico é uma composição normalmente encontrada na urina humana em pequena quantidade composta por oxigênio, hidrogênio, carbono e nitrogênio. No nosso organismo ele precisa estar presente na quantidade de 3,5 a no máximo 7,2 mg/dl. A substância é formada no corpo por conta da decomposição de uma substância chamada purina, presente em alguns alimentos como o feijão de qualquer tipo, carnes vermelhas e marisco.

exame para verificar o ácido urico




Ele sempre esteve e estará em nosso organismo e não causa problemas quanto está na quantidade adequada. Mas quando supera os números necessários ao bom funcionamento do seu corpo pode sim causar doenças. Um dos motivos mais comuns para a elevação do ácido úrico é uma dieta não regra com excesso de alguns alimentos. Problemas com os rins são também comuns e o primeiro passo para saber é verificar os níveis da substância por meio de exame para verificar o ácido úrico.

Há sintomas de elevações do descarte da substância também. O corpo envia alguns sinais que seu organismo está com as taxas de ácido úrico erradas como ardor ao urinar, urina escura, inchaço no corpo, dores nas articulações, vermelhidão, febre, dentre outros. Algumas doenças podem causar o problema como Doença de Wilson, mas apenas um médico e os devidos exames podem saber qual a causa da elevação de fato.


Qual o exame para verificar o ácido úrico?

O exame que analisa a quantidade do ácido no organismo mais comum é o exame de urina, pedido no geral nos exames de rotina pelos médicos para verificar a saúde dos rins como primeiro passo. A coleta de urina deve ser feita no início da manhã ou após acordar, descartando o primeiro jato e guardando do segundo em diante. Pouco mais de 5 ml é o suficiente para a análise em laboratório. A urina coletada deve ser enviada a laboratório em no máximo três horas.

O exame de sangue pode ser pedido para uma avaliação do diagnóstico da gota. Esta é uma doença causada quando o nível de ácido úrico é tão alto que chega a inflamar as articulações. É uma das doenças mais graves causadas pela elevação do ácido úrico no corpo e com dor intensa e bem dolorosa. 

Tratamento para ácido úrico elevado

O primeiro passo do médico é buscar a causa do problema. Em mais de 50% dos casos é uma má dieta, com excesso de alimentos com o ácido que acabam sobrecarregando os rins e aumentando a dosagem. Uma mudança na alimentação e a ingestão de mais água pode ajudar a resolver o problema sem qualquer medicamento.

Quando o problema é real, é preciso investigar com mais calma e outros exames podem ser pedidos. Além da mudança na alimentação podem ser pedidos mais exames ou a indicação de tratamento com medicação. Quando detectado cedo é um problema de fácil solução e com tratamento rápido, mas é preciso ir ao médico assim que notar alguma mudança na urina seja na cor ou na dificuldade ao urinar e ardência. Não é preciso eliminar os alimentos de vez da dieta que podem aumentar os níveis de ácido, apenas diminuir na quantidade porque há outros nutrientes necessários.


Deixe um comentário